O   P a t o
S e l v a g e m

Esta noite grita-se '19

Texto

Henrik Ibsen

 

Tradução

Gil Costa Santos e Ragnhild Marthine Bø

 

Direcção

Miguel Maia
e Filipe Abreu

Interpretação

David Pereira Bastos
Filipe Abreu
José Neto
Mia Tomé
Miguel Sopas
Paula Fonseca
Paulo B.
Rita Cabaço
Tomás Alves

henrik ibsen

Esta noite grita-se
- O Pato Selvagem
Henrik Ibsen, Esta noite grita-se, Teatro, Cepa Torta
18 de Janeiro,
no Teatro da Trindade,
às 17h00
.............................................
19 de Janeiro,
na Fábrica Braço de Prata,
às 21h30
.............................................
20 de Janeiro,
na Biblioteca de Marvila,
às 16h00

Escrito em 1884, O Pato Selvagem é uma das mais impressionantes peças escritas pelo dramaturgo norueguês. Um texto de elevado valor alegórico, usa como base a história do pato selvagem que, ao ver-se ferido, mergulha no lago e agarra-se às algas nas profundezas para morrer, evitando sobreviver ferido. Mostra-nos uma complexa teia de relações entre duas famílias, e a sombra que um passado mal resolvido faz emergir sobre personagens multifacetadas, profundas e magistralmente guiadas através das cenas num crescendo emocional. Ibsen explora com mestria o tema da verdade e da mentira e a forma como ela é usada na esfera íntima. É, aliás, aí que reside o principal elemento trágico: as consequências de vivermos na mentira, ou os problemas do fundamentalismo da verdade absoluta - ambos podem ter, afinal, consequências desastrosas.
 

Henrik Ibsen, Esta noite grita-se, Teatro, Cepa Torta

E l a

O   T i o
V â n i a

B i l í n g u e

U m   H o m e m
é   u m   H o m e m

C a n t i g a s   d e
U m a   N o i t e   d e   V e r ã o

© 2018 COMPANHIA CEPA TORTA | Design by CPP

f a l e  c o n n o s c o

SIGA-NOS

NÓS RESPONDEMOS

O QUE DESEJA SABER?

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • CEPA